PRM deteve 869 indivíduos por violação das normas impostas no Estado de Emergência



Oitocentos e sessenta e nove indivíduos foram detidos em Abril passado, no país, devido a violação das normas impostas no contexto do Estado de Emergência decretado no âmbito da prevenção do Cvid-19.

Entre as violações destaca-se a venda e consumo de bebidas alcoólicas em locais públicos. Falando, esta quinta-feira no Café da manhã da Rádio Moçambique, o porta-voz do comando da Polícia da República de Moçambique (PRM), Orlando Mudumane, disse nos primeiros seis dias de vigência da prorrogação do estado de emergência, foram detidas 30 pessoas e apreendidas 27 viaturas, cujos titulares violaram as normas do estado de emergência. Por outro lado, a PRM reconhece que houve alguns casos de excesso de zelo na manutenção da ordem e tranquilidade públicas durante este período, mas garante que a situação já está controlada. “Os primeiros dias da vigência do estado de emergência foram um aprendizado para todos, inclusive para as Forças da Lei e Ordem. Assumimos que houve algumas actuações esporádicas que configuraram excesso de zelo profissional por parte de alguns agentes, casos esses que foram rapidamente corrigidos e alguns indivíduos que se envolveram em actos que configuraram actos criminais, responsabilizados. Podemos dar aqui um exemplo de dois agentes da PRM que agrediram fisicamente até à morte um cidadão na cidade da Beira, esses indivíduos estão neste momento detidos e o respectivo processo-crime está a ser tramitado nas instituições da administração da justiça”, disse.  Orlando Mudumane garantiu que a corporação já fez um trabalho interno com vista a evitar novas situações desta natureza, ao mesmo tempo que apelou aos cidadãos a cumprirem rigorosamente as normas impostas no estado de emergência. (RM)

21 visualizações

Subscreva a nossa Newsletter

  • facebook

Ficha técnica

Director Editorial: Luís Nhachote (+258 84 4703860)

Editor: Estacios Valoi 

Redaçao: Germano de Sousa, Palmira Zunguze e Nazira Suleimane

Publicidade: Jordão José Cossa (84 53 63 773) email jordaocossa63@gmail.com

 

NUIT: 100045624

Nr. 149 GABIFO/DEPC/2017/ MAPUTO,18 de Outubro  

Endereço Av. Cardeal Don Alexandre dos Santos 56 (em Obras)

© By BEEI