Piloto moçambicano conquista bronze na final do mundial de bajas



O piloto moçambicano de rally internacional de todo-o-terreno em moto, Paulo Oliveira, conquistou a medalha de bronze na fase final do campeonato mundial de bajas - Baja Portalegre 500 -, disputada no Alentejo, em Portugal.

Naquela que era a grande final, Paulo Oliveira, que partiu na segunda posição da tabela classificativa, ficou próximo de conquistar a primeira posição, não fosse a saída da pista no segundo dia da prova, facto que condicionou a sua classificação.

A Baja Portalegre 500 faz parte da Taça do Mundo de Rally Todo-o-Terreno da Federação Internacional do Automóvel, bem como da Taça do Mundo de Bajas em moto.

“Começámos a corrida com um 2º lugar, no campeonato do mundo, e o nosso principal objectivo era chegar ao primeiro lugar. No primeiro dia, estivemos perto e acabámos em segundo. No segundo dia, tivemos uma saída da pista que nos fez perder muito tempo e ficámos um pouco maltratados, sendo que tivemos de gerir até ao final da corrida e levamos para casa uma medalha de bronze, o que acaba sendo muito positivo”, disse Paulo Oliveira.

Cumprida esta etapa, Oliveira indicou que, para já, todas as atenções estarão viradas para o grande Mundial de Rally Todo-o-Terreno, Dakar 2022, que será disputado na Arábia Saudita, para o qual a comitiva moçambicana partirá em Dezembro próximo.

“Neste momento, continuaremos a trabalhar para o Dakar. Faltam dois meses para aquela que é a prova rainha do motociclismo e automobilismo, a ser disputada na Arábia Saudita, para qual viajamos já em Dezembro”, anotou.

Pela sua entrega ao desporto motorizado e pelo facto de contribuir para a projecção do nome de Moçambique a nível mundial, Paulo Oliveira foi recentemente homenageado pelo Conselho Municipal de Maputo. Do seu portfólio, consta a participação em diversas provas, em países como Marrocos, Jordânia, Portugal, Espanha, Qatar, entre outros.

A participação de Oliveira em Portalegre foi patrocinada pela Empresa Moçambicana de Seguros (EMOSE), Access Bank, Cine Group, Agência de Viagens Cotur, Grupo Salvador Caetano, Intelec Holdings, Trassus, Secretaria de Estado do Desporto, Federação Moçambicana de Automobilismo e Motociclismo (FMAM) e ATCM.

60 visualizações0 comentário