Operadores de telecomunicações devem prover internet gratuita às autoridades sanitárias


A Autoridade Reguladora das Comunicações em Moçambique determinou, através da resolução nº 2/CA/INCM/2020 de 20 de Maio, “ao abrigo do dever de colaboração”, que todos os provedores de internet em Moçambique, incluindo as operadoras de telefonia móvel, são obrigadas a “disponibilizar o acesso a internet de forma gratuita, às autoridades sanitárias”, durante o Estado de Emergência.

No seguimento da declaração do Estado de Emergência, como medida de prevenção da propagação do novo coronavírus em Moçamnique, e “ao abrigo do dever de colaboração plasmado na Lei nº 1/2020, as operadoras de telecomunicações são chamadas a apoiar a debelar ou minimizar o impacto desta pandemia com base na tecnologia aplicada nas respectivas redes de telecomunicações”, determinou o Instituto Nacional de Comunicações de Moçambique (INCM) que é a Autoridade Reguladora do sector.

A resolução nº 2/CA/INCM/2020 de 20 de Maio o INCM, dentre várias medidas, impôs que todos operadores de telecomunicações que forneçam o serviço de internet em Moçambique, são pelo menos três dezenas mais as operadoras de telefonia móvel, devem “disponibilizar o acesso a internet de forma gratuita, às autoridades sanitárias, designadamente, Ministério da Saúde, Instituto Nacional de Saúde, Hospitais Centrais e aos hospitais públicos destinados ao internamento e tratamento da covid-19”.

Ainda para o sector de Saúde o INCM impôs que os operadores de telecomunicações devem “garantir a continuidade da prestação de todos os serviços de telecomunicações”, “disponibilizar de forma gratuita o encaminhamento de chamadas para números atribuídos às autoridades de sanitárias, designadamente, Ministério da Saúde, Instituto Nacional de Saúde, Hospitais Centrais e aos hospitais públicos”, “garantir a divulgação de números de emergência fornecidos pelas autoridades sanitárias, relacionados com a covid-19 através de bulk SMS” e também “enviar SMS POP-UP de prevenção da covid-19 no final da primeira chamada do dia”. (Moz24h)

32 visualizações

Subscreva a nossa Newsletter

  • facebook

Ficha técnica

Director Editorial: Luís Nhachote (+258 84 4703860)

Editor: Estacios Valoi 

Redaçao: Germano de Sousa, Palmira Zunguze e Nazira Suleimane

Publicidade: Jordão José Cossa (84 53 63 773) email jordaocossa63@gmail.com

 

NUIT: 100045624

Nr. 149 GABIFO/DEPC/2017/ MAPUTO,18 de Outubro  

Endereço Av. Cardeal Don Alexandre dos Santos 56 (em Obras)

© By BEEI