Omardine Omar, Jornalista da Carta de Moçambique continua detido na 7ª esquadra da PRM


"O jornalista Omardine Omar, da Carta de Moçambique, acaba de ser detido por um grupo de agentes fardados da Polícia da República de Moçambique, que se faziam transportar num carro de patrulha Mahindra" foi assim que o director da publicação, Marcelo Mosse deu a conhecer ao mundo a situação do seu colaborador. "A detenção ocorreu na zona do Alto Maé, Avenida Emilia Dausse. Omardine acabava de encontar- se com José João, um antigo colega de formação. “Os agentes chegaram e começaram a agredi-lo. Quis saber dos motivos e não me disseram”, explicou José João. Também não quiseram informar para onde levavam o jornalista.  Omar é um dos mais arrojados repórteres da novas gerações. “Carta” repudia a forma macabra da sua detenção fora de flagrante delito.

O Moz24h chegou a fala esta manhã com a esposa do jornalista que disse que "ele ainda esta preso na 7ª esquadra do Alto Mae". Há alguns anos está mesma esquadra teve nas suas celas o jornalista e poeta Celso Manguana após este ter tentado obter informações Manguana, detido no passado sábado à tarde ao tentar obter informações na 7ª Esquadra da Polícia da República de Moçambique (PRM) onde se encontravam detidos manifestantes que exigiam a demissão do ministro da Defesa derivado das explosões do Paiol de Malhazine (Moz24h)

0 visualização

Subscreva a nossa Newsletter

  • facebook

Ficha técnica

Director Editorial: Luís Nhachote (+258 84 4703860)

Editor: Estacios Valoi 

Redaçao: Germano de Sousa, Palmira Zunguze e Nazira Suleimane

Publicidade: Jordão José Cossa (84 53 63 773) email jordaocossa63@gmail.com

 

NUIT: 100045624

Nr. 149 GABIFO/DEPC/2017/ MAPUTO,18 de Outubro  

Endereço Av. Cardeal Don Alexandre dos Santos 56 (em Obras)

© By BEEI