O mercado de energia fora de rede moçambicano deu um sinal de grande dinamismo e potencial


O mercado de energia fora de rede moçambicano deu um sinal de grande dinamismo e potencial de crescimento reflectido no portfolio de investimentos do programa BRILHO


JAVIER AYALA


Com o objectivo de dinamizar o mercado fora da rede em Moçambique, promovendo e apoiando iniciativas de negócio que forneçam soluções energéticas limpas e acessíveis à população e às empresas, o programa BRILHO lançou, no dia 12 de Fevereiro de 2020, a sua 1ª convocatória para submissão de iniciativas de negócio em Sistemas Solares Caseiros, Mini-Redes e Soluções de Cozinha Melhorada. O BRILHO oferece às empresas seleccionadas, uma combinação única de financiamento não reembolsável (Catalytic Grants e Results Base Financing), até 1,5 milhões de libras (~2MUSD), e apoio técnico especializado, para iniciativas comerciais de risco, visando atingir retornos comerciais competitivos, fornecendo soluções de energia fora da rede. Apesar da 1ª convocatória ter coincidido com o início da pandemia em Moçambique, os resultados atingidos foram altamente positivos incluso excedendo as expectativas. Este também foi possível graças às diversas plataformas que deram ampla e continua visibilidade à convocatória, destacar em especial o apoio fornecido pela ALER. Num período de cerca de 3 meses, 64 iniciativas de negócio foram submetidas com a seguinte divisão tecnológica; 19% focadas em mini-redes, 38% em Sistemas Solares Caseiros, 19% em Soluções de Cozinha Melhorada e 24% que propõem uma combinação destas tecnologias. Como resultado do primeiro processo de avaliação 29 iniciativas foram convidadas a desenvolver e submeter uma proposta incluindo um plano de negócios completo. O processo de aprovação dos investimentos é realizado por um painel independente que confirmou, até ao momento, a seleção de 15 iniciativas de negócio para assinatura de contrato. Actualmente 10 empresas já assinaram contrato e iniciaram a sua implementação, sendo que para as restantes o processo será completado brevemente. As candidaturas de mini-redes, tendo em conta os requisitos regulatórios, serão completadas e seleccionadas nos próximos meses. (Fonte ALER Newsl)

61 visualizações0 comentário

Subscreva a nossa Newsletter

  • facebook

Ficha técnica

Director Editorial: Luís Nhachote (+258 84 4703860)

Editor: Estacios Valoi 

Redaçao: Germano de Sousa, Palmira Zunguze e Nazira Suleimane

Publicidade: Jordão José Cossa (84 53 63 773) email jordaocossa63@gmail.com

 

NUIT: 100045624

Nr. 149 GABIFO/DEPC/2017/ MAPUTO,18 de Outubro  

Endereço Av. Cardeal Don Alexandre dos Santos 56 (em Obras)

© By BEEI