Noruega doa US$3,4 milhões ao PMA no norte de Moçambique


O Governo da Noruega doou 30 milhões de coroas norueguesas

(aproximadamente US$3,4 milhões) ao Programa Mundial para a Alimentação (PMA) em

Moçambique para apoiar programas de meios de subsistência e de alimentação escolar entre os deslocados internos e as comunidades anfitriãs afectadas pela violência em curso no Norte Moçambique.

Os US$ 3,4 milhões doados pela Noruega permitirão ao PMA apoiar mais de 13.000 crianças

com alimentação escolar e outras 6.500 pessoas através da provisão de oportunidades de

meios de subsistência, com foco em jovens e mulheres em Cabo Delgado num projecto de

dois anos. O PMA trabalhará em estreita colaboração com o Governo e as autoridades locais, bem como com parceiros como o UNICEF na implementação. O objetivo do projecto é que as pessoas deslocadas e as comunidades acolhedoras afectadas tenham acesso a alimentos nutritivos, a uma agricultura sustentável e a melhores oportunidades de subsistência.

“A generosa doação do povo da Noruega ajudará a aliviar o sofrimento do povo moçambicano devido à violência em curso no norte”, disse o Representante do PMA a.i., Pierre Lucas. “Este projeto melhorará as condições de segurança alimentar e de nutrição das pessoas mais vulneráveis, bem como ajudará a melhorar ou reconstruir as oportunidades de subsistência das pessoas por meio de iniciativas de agricultura sustentável”.

O Governo da Noruega é um parceiro de longa data do PMA em Moçambique. Entre 2019 e 2021, a Noruega doou US $ 7,5 milhões para as operações do PMA em Moçambique.

17 visualizações0 comentário