MRM inaugura um Centro de Formação Profissional para capacitar a população local Namanhumbir


O Governador da Província de Cabo Delgado, Júlio José Parruque, inaugurou o Centro de Formação Profissional de Namanhumbir. Um promovido pela Montepuez Ruby Mining, lda. (MRM) em parceria com o Instituto de Formação Profissional e Estudos Laborais Alberto Cassimo (IFPELAC), que visa criar a oportunidade aos moradores locais, especialmente jovens adquirirem competências em áreas como: construção civil, carpintaria, eletricidade, pintura, canalização, soldadura, serralharia, mecânica, operação de máquinas pesadas, agricultura, corte e costura, entre outros.

De acordo com o Governador da Província de Cabo Delgado, “A MRM investiu cerca de 1,4 milhões de dólares na construção das instalações do Centro de Formação Profissional de Namanhumbir, que inclui um bloco administrativo, duas salas de aula, duas oficinas, vestuários e duas residências para osfuncionários. Para além do apoio na construção das instalações, a empresa finaciará a formação de 2100 pessoas, ao longo de 7 anos, dotando-os de equipamento e suporte logístico.

Segundo o Director Geral da empresa, Harald Hälbich “Este projeto faz parte dos projetos de desenvolvimento comunitário da Montepuez Ruby Mining, que somam um investimento total de $ 3 milhões de dólares (188 milhões de meticais), que inclui para além deste projecto, 2 clínicas se saúde móveis que apoiam 10 comunidades, 9 associações que apoiam cerca de 300 agricultores, 4 escolas primárias com capacidade total de 2.000 estudantes, e apoio à conservação da vida selvage com os Projetos: Carnívoros Niassa e Parque Nacional das Quirimbas.”

Um grupo de 100 pessoas participaram no primeiro grupo de formação, dos quais 95 concluíram com sucesso, e encontram-se a trabalhar no projecto de construção da vila de reassentamento.

Deolinda Jerónimo, uma das alunas do primeiro grupo e moradora de Nthoro, foi contratada pela empresa de construção da Vila de Reassentamento e declarou "Antes de receber treinamento, eu estava desempregada e dependia dos meus pais. Hoje, além de ganhar meu próprio dinheiro, posso participar da construção da minha casa. Gosto da minha profissão e quero continuar a praticá-la mesmo após a construção da vila de reassentamento ".

A MRM acredita que o desenvolvimento da comunidade deve ser integrado e sustentável e vê o treinamento profissional como um componente essencial.

Emílio Jamine, Gestor da Responsabilidade Social Corporativa afirmou: “O VTC é o maior investimento social da Montepuez Ruby Mining no âmbito da Responsabilidade Social e é um projeto, que demostra o compromisso da empresa em melhorar a empregabilidade dos jovens.”

A MRM acredita que este projecto é sustentável, que poderá apoiar o desenvolvimento da economia regional e nacional e criar comunidades bem-sucedidas e independentes. O treinamento também os equipará com uma qualificação nacional que eles podem usar para procurar emprego futuro. (Redação)

80 visualizações

Subscreva a nossa Newsletter

  • facebook

Ficha técnica

Director Editorial: Luís Nhachote (+258 84 4703860)

Editor: Estacios Valoi 

Redaçao: Germano de Sousa, Palmira Zunguze e Nazira Suleimane

Publicidade: Jordão José Cossa (84 53 63 773) email jordaocossa63@gmail.com

 

NUIT: 100045624

Nr. 149 GABIFO/DEPC/2017/ MAPUTO,18 de Outubro  

Endereço Av. Cardeal Don Alexandre dos Santos 56 (em Obras)

© By BEEI