Moçambique marcha para a produção de gás


As autoridades moçambicanas de recursos minerais e energia anunciaram, neste sábado (18), o início da “introdução de hidrocarbonetos na instalação Coral Sul FLNG, atracada ao largo da Bacia do Rovuma”, no norte do país.

“Com a introdução de gás na instalação Coral Sul FLNG estarão criadas as condições para que o primeiro carregamento de Gás Natural Liquefeito seja efectuado no segundo semestre do presente ano”, lê-se num comunicado do ministério de Recursos Minerais.

O titular da pasta, Carlos Zacarias, é citado no mesmo a afirmar que tal marco coloca Moçambique no mapa do grupo de países produtores de Gás Natural Liquefeito.

“Este facto terá impacto significativo nas receitas e contribuição para a segurança energética global e demonstra que as condições criadas pelo Governo para o desenvolvimento deste projecto, permitiram a execução do mesmo dentro dos prazos,” disse Zacarias.

A Coral Sul FLNG tem a capacidade de liquefação de 3,4 milhões de toneladas de gás natural por ano, e é operada por um consórcio liderado pela italiana ENI, Empresa Nacional de Hidrocarbonertos (Moçambique),ExxonMobil, CNPC, GALP e KOGAS. (VoA)

38 visualizações0 comentário