Moçambique e Malawi reactivam Comissão conjunta de Defesa e Segurança


Moçambique e Malawi, reactivaram, esta terça-feira, na vila do Songo em Tete a Comissão conjunta de Defesa e Segurança, que estava inoperacional há 12 anos.

Trata-se de uma comissão que vai se encarregar pela garantia de matérias relacionadas a segurança entre os dois países, de entre as quais, o combate ao crime organizado, imigração ilegal, terrorismo e tráfico de pessoas e drogas.


Segundo o Chefe do Estado moçambicano, a integração social e económica regional dos dois países, passa pela convivência pacífica.

Filipe Nyusi, discursava esta terça-feira em Songo, no final das conversações com o seu homólogo malawiano, Lazarus Chabwera, que visitou o país, na perspectiva de estreitar as relações de cooperação entre os dois países e povos.

O Presidente Nyusi disse que a visita do estadista malawiano, abre uma nova etapa no domínio da cooperação.


Sublinhou que o governo moçambicano, tem estado a introduzir reformas, nos corredores de desenvolvimento e infra-estruturas ferro portuárias, para facilitar o desembaraço aduaneiro de mercadorias.

Das conversações havidas na tarde desta terça-feira, o sector energético, foi de muito interesse malawiano. (RM)

62 visualizações0 comentário