Mia Couto estranha a abundância de especialistas face ao terrorismo em Cabo Delgado


O escritor moçambicano critica a abundância de “especialistas” que comentam a situação de terrorismo em Cabo Delgado, norte de Moçambique, sem conhecer a região.

“É estranho que haja hoje tantos especialistas no mundo que a vinte mil quilómetros de distância vem nos explicar o que está a acontecer no nosso país (...) que surjam de repente tantos especialistas sobre os nossos assuntos internos,” disse Mia.

O pronunciamento do escritor surge numa altura em que no país há debate em torno de propostas de apoio ao país para combater os terroristas em Cabo Delgado, com alas defendendo intervenção militar estrangeira e outras reticentes.

O presidente Filipe Nyusi disse em relação a isso que o país está aberto ao apoio, mas vai aceitar o que considerar adequado.

“Nenhum país encontrou numa intervenção estrangeira essa solução miraculosa. Não será por trazermos tropas de fora que a situação vai-se alterar profundamente,” diz Mia. (VoA)

82 visualizações0 comentário