Guerra em Cabo Delgado “massiva intervenção militar não será solução.”


Por Estacio Valoi, em Pretoria

Um seminário sobre as “Ameaças da Violencia Extremista na Africa Austral" organizado pela Uniao Europeia (EU) concluiu que "a massiva intervenção militar" não será a soluçao dos problemas. O Seminario foi realizado em coordenação com seus parceiros regionais como o Instituto sul africano de Estudos de Seguranca (ISS) , académicos , diplomatas, pesquisadores na área do terrorismo e segurança regional como centro o fenómeno da radicalização dos grupos terroristas em Mocambique e região.

A massiva intervenção militar segundo painelistas no seminário, não será solução para a resolução deste conflito caso não se altere a metodologia, ‘ melhor compreender a comunidade’ limar as contradições, balanco entre os que tem e os que não tem nada, isto porque as ‘ guerras convencionais não são funcionais, assim como olhar para o centro de gravitação que funciona como favorável para os grupos extremista onde muito menos a Frelimo ou a Renamo tem controlo como aconteceu na RDC.

91 visualizações0 comentário