Governo dos E.U.A. entrega 50 ventiladores para ajudar Moçambique a lutar contra a COVID-19


O Governo dos Estados Unidos da América, através da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID), doou 50 ventiladores de alta qualidade a Moçambique, para ajudar na luta contra a COVID-19.  Esta doação é uma parte fundamental do fornecimento de suprimentos essenciais e conhecimentos técnicos do Governo dos Estados Unidos para apoiar a resposta urgente e contínua de Moçambique à pandemia.

Os ventiladores, produzidos nos Estados Unidos pela Zoll Medical Corporation, reflectem tecnologia de ponta e em demanda.  Podem ser usados no tratamento quer de pacientes pediátricos como de adultos.  Os ventiladores têm uma bateria com autonomia de até 10 horas.  São compactos, portáveis e proporcionam a Moçambique mais flexibilidade no tratamento de pacientes severamente afectados pela COVID-19.  Para pacientes cujos pulmões não estejam a funcionar adequadamente, mesmo estando a receber oxigénio, este recurso vital pode salvar vidas.


O Governo dos Estados Unidos está a trabalhar em estreita colaboração com o Ministro da Saúde de Moçambique, Armindo Tiago, e outros colegas do governo, para uma rápida distribuição dos ventiladores às unidades sanitárias que tratam COVID-19 em Moçambique.  Para garantir que os equipamentos sejam usados com eficácia por profissionais treinados, o Governo dos Estados Unidos está também a dar formação técnica ao pessoal médico.

Durante o evento de entrega, no armazém da Central de Medicamentos e Artigos Médicos (CMAM), financiado pelo governo dos E.U.A. no Zimpeto, o Ministro Tiago e o Embaixador dos Estados Unidos para Moçambique Dennis Hearne falaram da parceria de longa data entre os dois países.  “A doação destes ventiladores resulta dos cerca de 14,8 milhões de dólares em fundos dos E.U.A. que apoiam os esforços de combate à COVID-19 em Moçambique.  Doamos equipamentos de protecção individual, conhecidos como EPI (Equipamento de Protecção Individual) e trabalhamos juntos em desafios como água e saneamento, assistência alimentar de emergência, prevenção e controlo de infecções e muito mais”, disse Hearne.

A doação dos ventiladores assenta numa base de mais de 500 milhões de dólares em assistência anual que o governo dos E.U.A. fornece para melhorar a qualidade da educação e da saúde, promover o crescimento económico e apoiar o desenvolvimento geral de Moçambique.  É uma honra para os Estados Unidos fazer parceria na campanha de Moçambique para o combate da pandemia COVID-19, reafirmando e prosseguindo a colaboração de longa data para o desenvolvimento, que teve início em 1984.

A Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID) lidera o desenvolvimento internacional e assistência a desastres do governo dos E.U.A., através de parcerias e investimentos que salvam vidas, reduzem a pobreza, fortalecem a governação democrática e ajudam as pessoas a emergir de crises humanitáriasPara mais informações sobre o trabalho da USAID para promover o desenvolvimento sustentável e a dignidade humana, visite www.usaid.gov.

29 visualizações0 comentário

Subscreva a nossa Newsletter

  • facebook

Ficha técnica

Director Editorial: Luís Nhachote (+258 84 4703860)

Editor: Estacios Valoi 

Redaçao: Germano de Sousa, Palmira Zunguze e Nazira Suleimane

Publicidade: Jordão José Cossa (84 53 63 773) email jordaocossa63@gmail.com

 

NUIT: 100045624

Nr. 149 GABIFO/DEPC/2017/ MAPUTO,18 de Outubro  

Endereço Av. Cardeal Don Alexandre dos Santos 56 (em Obras)

© By BEEI