Governo da Venezuela condecora antigo Presidente Joaquim Chissano


O governo da Venezuela condecorou o antigo presidente da República, Joaquim Chissano, com a Ordem Francisco Miranda da 1ª classe, pelo seu empenho na luta pela busca da liberdade em África, com destaque para a região Austral do continente.

A cerimónia de condecoração teve lugar, esta quarta-feira, e foi orientada a partir de Caracas, na Venezuela em formato virtual, devido a pandemia da covid-19. Na ocasião, o Antigo Presidente da República agradeceu a distinção do governo venezuelano e manifestou interesse de ver crescer os laços de cooperação entre Moçambique e Venezuela. “ Ao aceitar este galardão, manifesto a esperança de ver a crescer e a fortificarem–se cada vez mais os laços existentes entre os povos venezuelano e moçambicano, para que os nossos povos possam disfrutar da paz, desenvolvimento económico e social sustentáveis e da prosperidade que merecem “, disse. A condecoração com o galardão da “Ordem Francisco Miranda” abrange ainda outras cinco personalidades africanas entre antigos presidentes não só, como Sam Nujoma, Luzia Inglês Van-Dúnen de Angola e Duma Moses Kosse, da África do sul. (RM)

13 visualizações0 comentário