FDS e Ruanda tomam base Sheik Munir



Por MQLanga


Mais uma operação realizada com sucesso pelas FDS e as forças do Ruanda no combate ao terrorismo na província de Cabo Delgado. Existem Congoleses, Tanzanianos, Quenianos e Somalianos terroristas capturados desde Janeiro último. Ontem, quinta-feira, dia 10 de Fevereiro do ano em curso, a força conjunta tomou a base Sheik Munir em Pundanhar.


Está operação resultou na detenção de um cidadão de nacionalidade Queniana, ainda não identificado, que na altura este tentara fugir para a vizinha Tanzânia. “ Estamos a trabalhar. Este terrorista foi capturado na fronteira entre Cabo Delgado e Tanzânia, quando tentava colocar-se em fuga após tomarmos a base Sheik Munir.


Não tenho muitos dados a dar por agora, ainda consideramos prematuro dar informação sobre o queniano e a tomada da base Sheik Munir. Há maior tensão neste momento. Mas podemos adiantar em informar que tomamos esta base dos terroristas embora eles também tentem recuperar outras bases, mas nós não vamos permitir.“ Disse a fonte.


Pundanhar fica acerca de 55 quilómetros da capital distrital, cidade de Palma, província de Cabo Delgado.

Entretanto, o terrorismo em Cabo Delgado se faz sentir desde Outubro de 2017.(Moz24)


584 visualizações0 comentário