Especialistas globais debatem tratamento de cancro em Moçambique


A cidade de Maputo é anfitriã desde ontem, 5, ate o proximo dia 8 de Novembro, da XII Conferência Internacional sobre o Cancro em África.

Falando a Voz da America (VoA) Cesaltina Lorenzoni, médica patologista e chefe do Programa Nacional de Controlo do Cancro, disse que a Conferência terá mais de mil participantes oriundos de todo o globo e cujo lema é: “Cancro em África: Inovação, Estratégia, Implementação”.

Só dos Estados Unidos da América, são esperados mais de 300 especialistas.

A conferência, de quatro dias, terá mais de mil participantes e ocorre numa altura em que, em Moçambique, está a aumentar consideravelmente o número de doentes com cancro.

Segundo dados oficiais, o cancro, em Moçambique, chega a matar, por ano, mais de 17 mil pessoas.

Os mais comuns são do útero, mama,sarcoma de kaposi, próstata e fígado. (Redação com VoA)

5 visualizações

Subscreva a nossa Newsletter

  • facebook

Ficha técnica

Director Editorial: Luís Nhachote (+258 84 4703860)

Editor: Estacios Valoi 

Redaçao: Germano de Sousa, Palmira Zunguze e Nazira Suleimane

Publicidade: Jordão José Cossa (84 53 63 773) email jordaocossa63@gmail.com

 

NUIT: 100045624

Nr. 149 GABIFO/DEPC/2017/ MAPUTO,18 de Outubro  

Endereço Av. Cardeal Don Alexandre dos Santos 56 (em Obras)

© By BEEI