E outros não fazem campanha?


Por Sérgio Cossa


Recentemente, o presidente do partido Frelimo, Filipe Nyusi, disse sem rodeios a militantes da sua formação política que, “A campanha eleitoral já começou”. E não estava a brincar. Estava a falar muito seriamente porque ele tem estado, de facto, em campanha como candidato a Presidência, de há umas semanas para cá. Talvez pudessemos chamar para este texto a legislação eleitoral e discutirmos a legalidade ou não da campanha que Filipe Nyusi já começou. Mas isso é outro debate e não o objectivo destas linhas.

E numa “Onda Vermelha” onde o partido e o Estado vão se confundindo, Filipe Nyusi, vai vendendo o seu peixe de realizações e de promessas. Aliás, obrigação de quem sabe que no dia 15 de Outubro, os eleitores vão decidir se continua ou não como Chefe de Estado moçambicano.

Mas há outros candidatos á residentes na Ponta Vermelha. Mas esses não ouviram ainda o alerta do timoneiro da Frelimo. Ainda não se aperceberam que a campanha já começou. Andam ausentes e mudos. Ainda não se lhes conhecem as ideias e os projectos. Não mostram as cartas que têm para tão difícil jogo. O presidente da Renamo, Ossufo Momad, estacionado em Gorongosa, vai gerindo situações internas e pouco faz para mostrar aos moçambicanos que é candidato á Presidência de República. Mesmo estando em Gorongosa muito podia fazer. Como recorrer aos tele-comícios tornados famosos pelo seu antecessor. Mas há mais candidatos. Mas todos estão acontonados no silêncio. Só espero que não nos venham dizer que é por respeito a lei que não estão em campanha. Porque a campanha já começou.

31 visualizações0 comentário