Detidos em Cabo Delgado 2 cidadãos que supostamente simulavam ataques terroristas para saquear bens


Na província de Cabo Delgado a Polícia acaba de deter dois cidadãos que supostamente simulavam ataques terroristas, para saquear bens da população, nas aldeias do distrito de Ancuabe.

O porta-voz do Comando provincial da Polícia da República de Moçambique (PRM), em Cabo Delgado, Mário Adolfo, disse a jornalistas que há um trabalho em curso para se apurar a ligação dos indiciados com os terroristas.

Entretanto, os indiciados negam as acusações. Segundo o porta-voz do Comando provincial da PRM, em Cabo Delgado, depois do ataque terrorista à aldeia Nanduli no passado dia cinco de Junho corrente, foram registadas situações de simulação de ataque nos distritos de Ancuabe, Metuge e Montepuez, onde cidadãos ainda a monte fazendo-se passar de terroristas, incendiaram casas. (RM)

71 visualizações0 comentário