Covid-19: INS divulga resultados do inquérito sero-epidemiológico realizado em Nampula


O Instituto Nacional de Saúde acaba de divulgar os resultados do inquérito sero-epidemiológico realizado na cidade de Nampula, no âmbito da propagação da Covid-19.

Dados preliminares do inquérito, indicam que os idosos constituem o grupo de mais vulneráveis à Covid-19 e os vendedores dos mercados, os mais expostos à doença. O índice de sero-prevalência é de 3 e 10 por cento respectivamente. Esta conclusão foi anunciada, esta quarta-feira em Nampula, pelo director nacional–adjunto do Instituto Nacional de Saúde, Eduardo Samo Gudo, na cerimónia de divulgação dos resultados preliminares do inquérito sero-epidemiológico realizado na cidade de Nampula, desde o passado dia 17 de Junho.  Eduardo Samo Gudo disse que por estes grupos de indivíduos serem vulneráveis, há toda a necessidade de um redobrar de esforços para protegê-los na comunidade. Por seu turno, o ministro da Saúde, Armindo Tiago, que dirigiu a reunião, disse que o inquérito foi realizado no contexto das estratégias de resposta ao cenário de transmissão comunitária na cidade de Nampula.  “ Iremos continuar a utilizar essa metodologia de inquéritos sero-epidemiológicos de acção rápida para estender melhor a nossa acção para outros locais geográficos de Moçambique. Em princípio na próxima semana iniciaremos o inquérito similar na cidade de Pemba”. frisou.  Neste inquérito sero-epidemiológico da Covid-19 foram entrevistados e testados seis mil duzentos e setenta e dois indivíduos de ambos os sexos, dos oito mil previstos, na cidade de Nampula. (RM Nampula)  

52 visualizações0 comentário