Comandante Geral da PRM diz em Pemba que Mocimboa da Praia está sob controle


O Comandante-geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), Bernardino Rafael, em conferência de imprensa, desmentiu as  informações veiculadas por alguns órgãos de comunicação e redes sociais, indicando que o Porto e a vila de Mocímboa da Praia, em Cabo Delgado, estão sob o controlo dos terroristas.

Esse desmentido, com todos os contornos bizaros que carrega, foi feito este Sábado na Cidade de Pemba, em conferência de imprensa, no âmbito da visita à Província de Cabo Delgado, Rafael explicou que embora algumas Aldeias ou Vilas tenham sido abandonadas, não há nenhuma que esteja nas mãos dos terroristas.

“Não há nenhuma Vila tomada como tal, onde eles vivem e exercem actividade. Há Vilas que eles, por pressão de ataques, a população se deslocou, tais como em algumas aldeias que nós temos ao nível do nosso país, não estavam nas mãos dos terroristas porque nós exercemos um controle acrescido,  não estamos lá fisicamente nos portos e na vila de Mocímboa da Praia”, acrescentou

O Comandante-geral da Polícia,  acrescentou ainda, que as Forças de Defesa e Segurança (FDS), estão a fazer tudo o que estiver ao seu alcance para o restabelecimento da paz em Cabo delgado e nas zonas sob ataques da auto-proclamada Junta Militar da Renamo, nas Províncias de Manica e Sofala.

“Não estamos fisicamente no porto e na cidade de Mocímboa da Praia [mas] não estão nas mãos dos terroristas porque exercemos um controle maior”, afirmou.

Um grupo de jornalistas selecionados a dedo em Maputo se encontrava até sabado em Cabo Delgado a convite da policia e do exercito para cobrir as activades das FDS (Moz24h)

235 visualizações0 comentário