Banco de Moçambique prevê aumento de preços de alimentos no mercado nacional


O Banco de Moçambique prevê um aumento no índice de preços de alimentos no mercado nacional em um ponto percentual, como resultado do agravamento do custo dos combustíveis devido aos ataques russos à Ucrânia.

Desde o início do conflito entre os dois países, em finais de Fevereiro deste ano, o país já registou um incremento no custo dos combustíveis em cerca de onze por cento. O Director do Departamento de Estudos Económicos do Banco de Moçambique, Pinho Ribeiro, falando esta sexta-feira a jornalistas, referiu que esta subida de preço dos combustíveis a nível doméstico continua abaixo do que se observa em outros países no mundo. O Comité de Política Monetária do Banco Central antevê, no entanto, uma manutenção das perspectivas de recuperação da económica doméstica, devido aos impactos de alguns factores amortecedores à economia nacional. A segunda sessão do Comité de Política Monetária do Banco de Moçambique de 2022, decidiu aumentar a taxa de juro MIMO de treze vírgula 25 por cento para quinze vírgula 25 por cento, visando mitigar os impactos do conflito Rússia-Ucrânia, na economia nacional. (RM)

21 visualizações0 comentário