Avião da LAM forçado a interromper o voo após quebra de vidro frontal


Uma aeronave da Linhas Aéreas de Moçambique (LAM) retornou, sem danos, à Pemba, capital de Cabo Delgado, após a tripulação ter constatado que “um dos vidros frontais ficou delaminado”, diz um comunicado da empresa.

O aparelho que partira de Pemba com destino à Maputo, às 13:47 horas de ontem, “aterrou em segurança às 15:02 horas, e os passageiros, incluindo a tripulação desembarcaram normalmente”, refere o comunicado da empresa.

A empresa, que, em Fevereiro deste ano, viu uma aeronave aterrar fora da pista, diz que vai mandar uma equipa para substituir o vidro. (Moz24h)

6 visualizações0 comentário