ANC vence eleições com piores resultado de sempre


O Congresso Nacional Africano (ANC) da África do Sul venceu as eleições

parlamentares da semana passada mas com uma minoria reduzida. Porém, tal

como se previa, o partido registou os piores resultado de sempre, com 57,5% dos

votos.


O valor é o mais baixo da história eleitoral do partido, que desde a primeira ida a

votos, em 1994, nunca esteve abaixo dos 60%. Sucessivos escândalos de

corrupção, a elevada taxa de desemprego e a persistência das desigualdades raciais

no acesso a terras e habitação 25 anos após o fim do apartheid são algumas das

principais razões para a erosão do eleitorado.

O principal partido da oposição a Aliança Democrática também caiu de 22% nas

ultimas eleições para 21%.

Já os Combatentes da Liberdade Económica que participam pela segunda vez em

eleições aumentou de 6% para 10%.

A surpresa contudo foi o aumento de votos da Frente da Liberdade, um partido de

cidadãos de língua afrikaanse cujo objectivo é a criação de um território para a

minoria desse grupo linguístico e que terá alcançado cerca de 4% dos votos quando

as projecções apontavam para menos de 1%.

A afluência ás urnas foi de 66% quando nas eleições anteriores tinha sido de 73,5%


Cyril Ramaphosa, Presidente sul-africano de 66 anos que ascendeu ao poder no

ano passado, pediu o apoio dos eleitores para acabar com a corrupção e

implementar medidas para impulsionar a economia do país, e acabou por ser

efectivamente (e apesar dos resultados) legitimado como chefe de Estado, um ano

após ter sucedido a Jacob Zuma, forçado a demitir-se por suspeitas de corrupção.

No entanto, o ANC de Ramaphosa fica aquém das percentagens outrora

conseguidas em 2004 (69%), quando era liderado pelo então Presidente sul-

africano Thabo Mbeki, ou em 2014 (62%), com Zuma.​

“Vamos trabalhar juntos, negros e brancos, homens e mulheres, jovens e idosos

para construirmos uma África do Sul que pertença verdadeiramente a todos os que

cá vivem”, disse Ramaphosa, citado pela Reuters, no discurso de vitória. (Agencias

e Redacção)

3 visualizações

Subscreva a nossa Newsletter

  • facebook

Ficha técnica

Director Editorial: Luís Nhachote (+258 84 4703860)

Editor: Estacios Valoi 

Redaçao: Germano de Sousa, Palmira Zunguze e Nazira Suleimane

Publicidade: Jordão José Cossa (84 53 63 773) email jordaocossa63@gmail.com

 

NUIT: 100045624

Nr. 149 GABIFO/DEPC/2017/ MAPUTO,18 de Outubro  

Endereço Av. Cardeal Don Alexandre dos Santos 56 (em Obras)

© By BEEI